Conheça o projeto Visiorama, próximo lançamento da Tudo Muda Music



O projeto Visiorama estreia este mês na TMM com o álbum Sci-fi Is Dead. A mixtape já está em pré-venda e será lançada oficialmente no dia 30/04 em fita cassete pela Tudo Muda Music.



Para saber mais sobre as influências e equipamentos utilizados no projeto, trocamos um papo com Lucas Nadalini, músico e arquiteto por trás do Visiorama.


Tudo Muda Music: Em poucas palavras, como você descreveria o som do Visiorama?

Lucas Nadalini: O Visiorama pode ser considerado um projeto de música eletrônica, mais especificamente IDM/ambient.


Tudo Muda Music: Quais são as suas principais influências musicais?

Lucas Nadalini: Aphex Twin, Boards of Canada, Autechre, Mort Garson, Vangelis, Suzanne Ciani, Trickfinger, Venetian Snares, Alessandro Cortini, Rival Consoles, Steve Hauschildt, Jogging House, Lightbath, R Beny, Dissolve in Sepia, Felipe Ayres, Fu_k the Zeitgeist, etc. A lista é grande!


Tudo Muda Music: Legal! E quais os synths que você mais utilizou no álbum?

Lucas Nadalini: Yamaha DX7, Arturia Microbrute, Bastl Kastle 1.5, Moog Werkstatt e também o Korg SQ-1.


Tudo Muda Music: Você coleciona discos em algum formato? Qual o seu jeito preferido de ouvir música?

Lucas Nadalini: Coleciono todos os tipos de midia física, principalmente discos e fitas. Ouço streaming e midia fisica de forma equilibrada no meu dia a dia.


Tudo Muda Music: Conhece algum artista da Tudo Muda Music? Se sim, tem algum preferido?

Lucas Nadalini: Conheci a Tudo Muda através do Fu_k the Zeitgeist. Acho o trabalho dele incrível, um dos sintetistas mais interessantes do país atualmente. Tenho a fita Lost Between Light Years.